Atividades.

A estratégia do Projeto Mobilizador REV@CONSTRUCTION centra-se na Digitalização do setor AEC, com o objetivo de aumentar a sua competitividade internacional.

Para isso vai desenvolver e fornecer soluções digitais às empresas do setor, desde arquitetos e projetistas, a empresas de gestão de empreendimentos e empresas de construção. A solução para atingir os objetivos descritos passa pela criação de novos Produtos, Processos ou ServiçosPPS.

O REV@CONSTRUCTION está estruturado em 4 PPS principais:

PPS1

DIGI4Construction

Pretende desenvolver e disponibilizar sob a forma de uma plataforma interoperável as bases metodológicas, de informação e serviços standard necessários à elaboração de projetos BIM, eliminando a barreira existente entre esta metodologia/ferramenta de modelação e a produção de cadernos de encargos normalizados. Pretende-se disponibilizar à indústria da construção um local de colaboração, partilha e acesso a serviços inovadores tendo como objetivos principais:

01.

O aumento da eficácia e da eficiência dos processos de obra, fornecendo aos agentes envolvidos um instrumento agregador e uniformizado de trabalho para a concretização de empreendimentos de construção designadamente de investimento público, assim como dotar a administração pública de um instrumento de recolha de dados para os seus instrumentos de controlo e monitorização.

02.

A redução dos “custos públicos de contexto” pela uniformização de práticas e procedimentos ao longo das várias fases do processo construtivo, investindo nas questões centrais do setor da construção. Acresce a implementação de mecanismos de comunicação entre diferentes aplicações promovendo a transparência e simplificação dos fluxos de informação garantindo que não ocorrem perdas de informação durante os processos.

03.

Cumprir o objetivo nacional e europeu da utilização de tecnologias de informação e comunicação inovadoras no setor da construção, com particular enfoque nas questões de integração entre aplicações, interoperabilidade e segurança.

04.

A utilização de Plataformas de Interoperabilidade para troca de informação entre sistemas de informação intersetoriais e para disponibilização de serviços que possam vir a ser de uso generalizado no setor da construção.

05.

Qualificar o investimento público em construção, sobretudo ao nível dos donos de obra públicos e através de programas de formação que reforcem as competências técnicas e a visão do processo construtivo para a utilização em detrimento de uma visão mais segmentada e centrada no valor inicial do investimento.

Para atingir estes objetivos será necessário atuar a vários níveis:

PPS2

Digital Twin para os intervenientes do setor AEC

Tem como objetivo central a promoção da digitalização dos processos e atividades de negócio da construção desde a fase de conceção e projeto, até à conclusão e entrega da obra, sendo um acelerador deste processo de transformação para os diferentes stakeholders que neles participam: empresas de construção, projetistas, arquitetos, empresas de fiscalização, donos de obra, fornecedores de materiais, entre outros. A materialização deste objetivo central será atingida da seguinte forma:

01.

Implementação de um contexto tecnológico inclusivo, aberto, que privilegie a utilização de soluções de base Open Source e que promova a introdução das tecnologias da Indústria 4.0 no setor.

02.

Disponibilização de apps de suporte à digitalização dos processos de negócio, inovadoras e potenciadoras de vantagens competitivas no setor: BET 4.0, PAV 4.0  e  PointCloud4BIM .

03.

Introdução do conceito de Digital Twin na construção, dispondo de modelos digitais 3D, permanentemente atualizados, incrementados com informação, que permita o conhecimento da realidade da obra em back-office, em tempo real, e facilite a tomada de decisão, incluindo o ajuste constante da alocação de recursos e o desenvolvimento dos processos de produção em condições ótimas e a sobreposição do domínio virtual com o domínio físico.

04.

Criação de uma plataforma de disponibilização de dados unificada (DataDelivery4Construction) que facilite a recolha de dados de múltiplas fontes – DIGI4Construction, sistemas corporativos (ERP´s, orçamentação, etc.) e coletores automáticos de dados – sensores, laserscans, camaras cctv, etc… – e promova a sua utilização em diferentes aplicações de negócio.

PPS3

Digital Twin para a Operação e Manutenção

Funcionará como um “acelerador” do processo de digitalização para os diferentes stakeholders, com particular foco nos donos de obra e nas empresas de facility management, sem esquecer as empresas de construção, projetistas, arquitetos, empresas de fiscalização e fornecedores de materiais, entre outros, que muito podem beneficiar pelo conhecimento do comportamento dos ativos e dos seus materiais em fases posteriores do ciclo de vida. Para isso, prevê concretizar os seguintes objetivos específicos:

01.

Implementação de um contexto tecnológico inclusivo, aberto, que privilegie a utilização de soluções de base Open Source e que promova a introdução das tecnologias da Indústria 4.0 no setor.

02.

Disponibilização de apps de suporte à digitalização dos processos de negócio, inovadoras e potenciadoras de vantagens competitivas: RCM4Assets e Pav 4.0 – LC.

03.

Introdução do conceito de Digital Twin na gestão de ativos, dispondo de modelos digitais 3D, permanentemente atualizados de forma automática, incrementados com informação, que permita o conhecimento da realidade dos ativos em back-office, em tempo real, e facilite a tomada de decisão, incluindo o ajuste constante da alocação de recursos e o desenvolvimento dos processos de operação e manutenção em condições ótimas e a sobreposição do domínio virtual com o domínio físico.

04.

Criação de uma plataforma de disponibilização de dados unificada que facilite a recolha de dados de múltiplas fontes, desde sistemas corporativos a coletores automáticos de e promova a sua utilização em diferentes aplicações de negócio.

O que se pretende é uma extensão dos desenvolvimentos do PPS2, adaptados às necessidades específicas da gestão de ativos, mas que não implique uma duplicação de esforço e sobretudo permita uma utilização continuada da informação ao longo do ciclo de vida dos ativos.

PPS4

Living Lab Pavimentação e Demostrador BIM para Obras de Arte

Neste PPS serão implementados dois Living Labs (demonstradores) que vão concretizar o trabalho desenvolvido nos PPS’s 1, 2 e 3, para validar os sistemas e aplicações desenvolvidos. Um deles será o BIM4Bridges, no qual se irá efetuar uma demonstração das potencialidades do BIM quando aplicado em obras de arte – para o contexto será realizada a modelação por laser can e fotogrametria de uma obra de arte/infraestrutura já existente. O outro será dedicado à digitalização da informação relativa aos pavimentos rodoviários, para validar as aplicações PAV 4.0 (que irá instrumentar e registar informação durante a fase de construção do pavimento) e PAV 4.0 LC (que irá instrumentar e registar informação durante a fase de utilização do pavimento para avaliação da evolução do seu desempenho ao longo do ciclo de vida).

PPS5

Gestão e Comunicação do Projeto

Engloba as atividades necessárias para a gestão, promoção e comunicação do projeto, bem como a sua interligação com outras iniciativas nacionais.

Our website uses cookies. By continuing to use the website we assume that you accept their use.